Quinta-Feira, 19 de Setembro de 2019 Sem sessão iniciada, Iniciar Sessão
Loja Online
     Notícias   |   Produtos   |   Equip. Personalizados   |   Clube SPIUK   |   Download Center   |   Patrocinados SPIUK   |   Onde Comprar   |   Empresa   |   Apoio Cliente
NotíciasNotícias
 Detalhes da notícia
Domingo, 1 de Março de 2009

Clique para ver em tamanho Real.
Equipa SPIUK
TAÇA IBÈRICA - BRUNO PAIS E MARIA AREOSA SAGRARAM-SE CAMPEÕES NACIONAIS
Infordesporto
Bruno Pais e Maria Areosa foi a dupla vencedora da etapa inaugural da Taça Ibérica de distância longa, realizada domingo em Porto Santo (Arquipélago da Madeira), e sagraram campeões nacionais de triatlo longo.

Mil e novecentos metros de natação, 90 quilómetros de ciclismo e 21 quilómetros de corrida foram as distâncias cumpridas pelos mais de sessenta participantes no I Triatlo Longo do Porto Santo, prova efectuada na manhã de domingo que contou com atletas portugueses (maioria) e espanhóis.

Na liderança, logo na natação, instalaram-se João José Pereira, Vasco Pessoa, Bruno Pais, estreantes na distância longa, e o atleta madeirense Duarte Mendonça. O quarteto foi o primeiro a chegar ao parque de transição. Logo a seguir, surgiram Miguel Arraiolos, José Estrangeiro e a primeira atleta feminina, Maria Areosa.

Mais tarde, chegaram Pedro Gomes, que defendia o título de campeão nacional de triatlo longo, Tiago Lobo, Bárbara Clemente, Sérgio Marques, recordista nacional na distância de IronMan, Joana Marques, Rodrigo Baltazar e David Rodriguez, o primeiro espanhol a concluir a natação.

No final da volta de ciclismo, Bruno Pais (Sport Lisboa e Benfica) tinha já uma vantagem confortável sobre o segundo classificado, Vasco Pessoa (Halcon-Spiuk-Olímpico de Oeiras). João José Pereira (Alhandra Sporting Clube) estava na terceira posição, seguido de Pedro Gomes (Halcon-Spiuk-Olímpico de Oeiras), Sérgio Marques (Compeed-Tri-Oeste), Miguel Arraiolos (Clube Olímpico de Oeiras) e Duarte Mendonça (Ludens Clube de Machico).

Lino Barruncho, campeão ibérico de IronMan em 2003, começou a recuperar posições no ciclismo e no final da quarta e última volta, o atleta do Halcon-Spiuk-Olímpico de Oeiras era já quinto classificado.

O primeiro a fazer a segunda transição e iniciar o segmento de corrida foi Bruno Pais, atleta que venceu as provas iniciais do calendário competitivo (III Duatlo do Jamor e XIII Duatlo das Lezírias). Conservando a liderança durante as quatro voltas de corrida, o fundanense do Sport Lisboa e Benfica foi o natural vencedor do I Triatlo Longo do Porto Santo, prova em que se disputou a etapa inaugural da Taça Ibérica. Paralelamente, estava em discussão o título de campeão nacional de triatlo longo e esse ficou para Bruno Pais.

No segundo lugar, ficou Vasco Pessoa, com um desempenho surpreendente, e Lino Barruncho completou o pódio, após uma corrida em que ultrapassou Pedro Gomes (quarto classificado), João José Pereira (quinto) e Sérgio Marques (sexto). Roberto Lúcio (Camadeira) foi o primeiro atleta madeirense a cortar a meta.

Na competição feminina, triunfo de Maria Areosa, atleta que esteve sempre na frente e que desta forma se torna na nova campeã nacional de triatlo longo. As colegas do Halcon-Spiuk-Olímpico de Oeiras Bárbara Clemente e Joana Marques discutiram os restantes lugares do pódio. Bárbara ficou no segundo posto, Joana em terceiro. Ana Perestrelo, do Clube Naval da Calheta, foi a quarta atleta feminina.

A segunda etapa da Taça Ibérica de Triatlo Longo realiza-se em Lisboa, a 25 de Abril. As restantes etapas estão agendadas para Setembro em território espanhol: Zamora (dia 13) e Ibiza (dia 27).


voltar


 Clube Spiuk - REGISTA-TE!
 
 Torna-te fã no Facebook
 
 CATÁLOGO 2017